O Conhecimento dirige a prática, no entanto a prática aumenta o conhecimento (Thomas Fuller)
Compartilhar conhecimento prático está em nossa essência
Dicas para tirar planejamento estratégico do papel

4 dicas para o seu planejamento estratégico em 2020

O planejamento estratégico é de extrema importância para garantir a sustentabilidade e a longevidade de uma empresa. No entanto, a dificuldade em executar esse plano é um dos principais problemas das organizações, independentemente do porte ou do segmento de atuação.

Pensando nisso, separamos 4 dicas para ajudar você a tirar do papel essa etapa primordial do desenvolvimento organizacional. Mas, antes de tudo, que tal entender, de uma vez por todas, o que é o planejamento estratégico e a sua relevância para um negócio?

O que é planejamento estratégico

É um documento que irá nortear toda a empresa no dia a dia corporativo. Ele é um tipo de diagnóstico que ajuda a ter uma visão clara de onde sua empresa está, quais são os principais objetivos do negócio, os possíveis caminhos e as ações que devem ser executadas a seguir para chegar lá.

Pode incluir a missão, a visão e os valores da empresa, cultura e identidade organizacional, metas e objetivos a curto, longo e médio prazo, análise da concorrência e muitas outras informações que sejam consideradas relevantes para sua construção.

O plano pode ser anual, de três a cinco anos, ou até mesmo mensalmente. Tudo vai depender da realidade de cada negócio. Ele também deve ser revisitado periodicamente e não deve ser estático nem inflexível. Ele pode e deve ser alterado e atualizado conforme as mudanças de necessidades, de cenários e de metas da empresa.

A importância do planejamento

Com ele, é possível ter mais facilidade e assertividade nas tomadas de decisão, no direcionamento das atividades dos colaboradores e na execução de ações para alavancar um negócio.

O planejamento também possibilita a antecipação dos riscos de inúmeras decisões e, com o devido acompanhamento, permite medir os resultados da organização. Assim, é possível entender se as ações estão desempenhando conforme o esperado e fazer correções durante a jornada.

Após o planejamento, é chegada a hora de executar. Porém, é justamente aqui que boa parte das empresas se perde. Um estudo da 5a Company, realizado em 2015, levantou que apesar de 96% dos gestores entrevistados afirmarem que o planejamento estratégico é muito importante para o sucesso de um negócio, 61% das empresas não seguem o plano.

Confira nossas dicas para não deixar isso acontecer no seu negócio.

Envolva as pessoas certas

A execução do planejamento estratégico é responsabilidade de toda a empresa.
Isso não significa que todos os colaboradores participarão do momento de delinear esse plano, mas representantes de todos os setores direta ou indiretamente impactados devem ser envolvidos no processo. Conhecer bem as competências e habilidades dos colaboradores ajuda muito no momento de delegar as tarefas.

Não deixe haver gargalos na comunicação

Uma comunicação transparente e sem ruídos é fator essencial para uma execução eficaz e alinhada. Muitas empresas promovem eventos internos para informar aos colaboradores de todos os níveis organizacionais sobre seus planos futuros. Essa é uma ótima prática para deixar cada um ciente do seu papel no projeto, bem como clarear os resultados almejados, e uma ótima maneira de engajar os colaboradores. Ao trabalhar com propósito, cooperando em prol de objetivos em comum, todos ficam mais propensos a se envolver.

Tenha os objetivos do plano em mente ao criar sua rotina de trabalho

Diariamente somos desafiados a apagar incêndios e realizar atividades que não estavam programadas. Isso pode acabar comprometendo a execução de tarefas diretamente ligadas ao planejamento estratégico. Por isso, não deixe que os resultados almejados pela sua empresa caiam no esquecimento. A dedicação diária a pequenas atividades do plano dão a ele mais chances de sucesso.

Revisite periodicamente o planejamento

Faça reuniões com os responsáveis para discutir o progresso das ações. Nesses momentos é importante acompanhar os indicadores, verificar o atingimento das metas e definir ações de melhoria dos resultados. Tenha sempre em mente que não é necessário seguir o plano à risca. O processo deve ser flexível e passível de sofrer alterações, afinal só devem ser realizadas as etapas que ainda fizerem sentido, levando-se em conta os resultados
desejados.

Executar o planejamento estratégico exige disciplina e dedicação, mas está longe de ser uma missão impossível. A etapa de planejar é insubstituível, mas lembre-se de que os resultados só virão se os planos se concretizarem.

shares